O Nível Zero no Plano de Carreira

Image for post
Image for post
(Fonte: http://blog.alfaconcursos.com.br)

O plano de carreira do Magistério no estado do Paraná é composto por 6 níveis e 11 classes. Três níveis ainda são decorrentes de concursos e leis anteriores. Atualmente um concursado entra no 3º (terceiro) nível e após o estágio probatório e apresentação de uma pós (lato sensu), ele avança para o 2º (segundo) , sendo que a cada 2 anos pode progredir horizontalmente 11 classes.

O 1º (primeiro) nível, chamado de PDE, só é alcançado através de um programa de aperfeiçoamento, onde o professor ficava um ano afastado de suas funções, realizando cursos e formações em universidades e no ano seguinte apresentava um projeto de intervenção na escola.

No parágrafo anterior utilizei o verbo no passado porque o processo não existe há algum tempo, mas precisamente há 2 (dois) anos e dá sinais de não voltar tão cedo.

Toda essa introdução é para demonstrar que o servidor público, mais especificamente o professor pode progredir na carreira, através de tempo e uma carga horária de cursos.

Esse nível permite o docente afastar de suas funções, escolher a escola que deseja lotar sem passar por seleções internas, cumprir o horário hora-aula e paradoxalmente continuar avançando nas classes.

Image for post
Image for post
(Fonte: https://media.tenor.com/images/193540b09009c90bb91cf6bc251b1cee/tenor.gif)

A aberração é tanta que há servidores que, ao estarem em vias de fato para “promoção”, “pegam” mais aulas, já que no momento definitivo essa quantidade é a considerada para efeitos de salários.

Image for post
Image for post
(Fonte: https://media.tenor.com/images/193540b09009c90bb91cf6bc251b1cee/tenor.gif)

Há algum tempo o nível zero era solicitado por docentes já com tempo avançado de serviço e carreira, curiosamente por aqueles que já realizaram o PDE.

Hoje porém a realidade é outra.

Com o processo para o primeiro nível cada vez raro e dependente das intenções de governos, o nível zero passou a ser almejado por muitos, inclusive por professores novos.

Se por um lado a generalização leva ao erro, o que significa que muitos professores precisam justamente do nível zero para manter a saúde mental e/ou física que resta, por outro, há nas instituições escolares um número expressivo de docentes que ingressam no nível sem apresentar uma justificativa razoável e ética para tal.

Image for post
Image for post
(Fonte: https://tenor.com/view/maisa-choro-chora-choranado-sbt-gif-4509007)

Enquanto não existir um controle sério para a entrada, maiores serão as chances de pessoas desonestas, desprovidas do bem comum e de descaso com o dinheiro público de serem “promovidas” para o nível zero.

Professor e desenvolvedor

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store